Pré-Misturas em Modo de Produção Biológico


A produção biológica é um sistema global de gestão das explorações agrícolas e de produção de géneros alimentícios que combina as melhores práticas ambientais, um elevado nível de biodiversidade, a preservação dos recursos naturais, a aplicação de normas exigentes em matéria de bem-estar dos animais e método de produção em sintonia com a preferência de certos consumidores por produtos obtidos utilizando substâncias e processos naturais.

O método de produção biológica desempenha, assim, um duplo papel societal, visto que, por um lado, abastece um mercado específico que responde à procura de produtos biológicos por parte dos consumidores e, por outro, fornece bens públicos que contribuem para a proteção do ambiente e o bem-estar dos animais, bem como para o desenvolvimento rural. (Regulamento (CE) N.º 834/2007 do Conselho de 28 de Junho de 2007 relativo à produção biológica e à rotulagem dos produtos biológicos e que revoga o Regulamento (CEE) n. o 2092/91).

De acordo com os dados apresentados pela Direção Geral de Agricultura e Desenvolvimento Rural (DGADR) no I Fórum Ibérico sobre Produção Animal Biológica que decorreu em 1 e 2 de Junho de 2017, em Portugal, o número de produtores agrícolas e produtores pecuários em modo de produção biológica (MPB) tem vindo a aumentar acompanhando o crescimento da procura deste tipo de produtos por parte dos consumidores. No presente, a procura mantém-se superior à oferta.

Adicionalmente, a expansão das áreas de produção em MPB nos setores da agricultura, da pecuária e da aquicultura constitui um objetivo estratégico para este setor.

O Regulamento (CE) N.º 834/2007 do Conselho de 28 de Junho de 2007 relativo à produção biológica e à rotulagem dos produtos biológicos, estabelece as regras aplicáveis à produção animal – bovinos, caprinos, ovinos, equídeos, suínos, aves, abelhas e peixes de aquicultura – e os requisitos que os alimentos para os animais em MPB devem cumprir.

O fabrico e comercialização de alimentos para animais em MPB requer o reconhecimento do cumprimento desses requisitos por uma entidade acreditada para o efeito.

A D.I.N. Desenvolvimento e Inovação Nutricional, SA pretende constituir-se parceira das entidades fabricantes de alimentos para animais em MPB.

E para que tal seja possível, obteve, em Agosto de 2017, a certificação para o fabrico de pré-misturas para animais passíveis de utilização em produção biológica em conformidade com os regulamentos (CE) N.º 834/2007 e N.º 889/2008 (Certificado n.º AB0736UT emitido pela SATIVA – PT-BIO-03). Consulte o Certificado para conhecer em detalhe os produtos no âmbito da certificação.

Adicionalmente, a DIN, SA detém a autorização de distribuição de produtos para utilização em agricultura biológica, cujo Certificado se encontra disponível para consulta. 

Este reconhecimento constitui mais um objetivo atingido no âmbito da nossa aposta na melhoria contínua, na excelência e diferenciação dos nossos produtos e serviços.